quinta-feira, 25 de março de 2010

Novos Projetos e Pilotos - Parte 26


Estamos chegando perto do período em que a televisão americana começará a definir sua grade de programação para a próxima temporada. Nem por isso deixaram de encomendar o desenvolvimento de novos projetos ou encomendar a produção de pilotos para avaliação. Em especial os canais a cabo, que tem uma estrutura de trabalho diferente da aberta.

Assim, o canal SyFy encomendou a produção de mais um piloto que retrata o universo dos super heróis. O primeiro foi "Alphas", encomendado em 2009. Agora temos "Three Inches", que terá um piloto de 90 minutos para avaliação. Criada por Harley Peyton, um dos roteiristas e produtores de "Twin Peaks", a produção é de Bob Cooper, pela Landscape Entertainment em parceria com a Fox. Na história, um homem é atingido por um raio e em função disso desenvolve a habilidade de mover objetos com a mente a uma distância de três polegadas. Ele então se une a outras pessoas que também tem poderes. O canal deverá escolher apenas um piloto com o mesmo tema para ser transformado em série.

Pela Warner existe um projeto chamado "Sterling", uma comédia criada por Mike Bender e Doug Chernack. Ainda não há informações sobre a história ou para qual canal está sendo oferecido o projeto. Sabe-se apenas que se trata de uma comédia de ação. 


Enquanto isso, Larry Charles, do filme "Borat" e roteirista de séries como "Curb Your Enthusiasm" e "Seinfeld", está com um novo projeto em desenvolvimento para ser exibido no canal EPIX. O título é "iCON", produzido pela Media Rights Capital, com roteiro de Dan Lyons, jornalista e escritor. A história acompanha a vida de um executivo egocêntrico e ganancioso. Segundo a imprensa americana, trata-se de uma sátira à Steve Jobs (co-fundador da Apple) e demais executivos da indústria da informática.

Este é o segundo projeto de série desse pequeno canal a cabo que tem o objetivo de ser "posto no mapa", tal qual ocorreu com o AMC e o Starz. O primeiro projeto do canal já foi mencionado aqui, é "Tough Trade", a ser estrelado por Sam Shepard. "iCON" é o terceiro projeto sendo desenvolvido por Larry Charles. Ele também prepara uma série ainda sem título, que está sendo chamada de "The Hines Project", para a CBS; e "Our Show" para o canal NBC.


Pelo canal independente IFC, estão em desenvolvimento quatro projetos de séries. "I Love the A.D.'s", uma série animada que explora a vida de Jesus na época em que tinha 20 e poucos anos. A abordagem deverá ser contemporânea, com referências a personagens e situações bíblicas. "Variety Shac", é uma sitcom que gira em torno da vida de quatro mulheres que trabalham em um programa humorístico. "Dieter Horn in Night Port", gira em torno de um alemão acusado de um crime e para livrar-se da sentença precisa decidir: combater o crime ou passar a vida na cadeia. "Jobbed" é outra comédia que gira em torno de um funcionário do departamento de Seguro Desemprego de Nova York.
 

No Brasil, a Globo prepara um pacote de novas séries, algumas das quais ainda estão em fase de projeto ou seleção de elenco. O maior problema dessa nova leva de séries brasileiras é que elas estão surgindo para fazer frente às produções estrangeiras, as quais estão sugando o público das novelas, produto no qual a TV brasileira se acomodou em produzir. Com isso, buscam encaixar a cultura brasileira na narrativa americana. Por não terem praticado o desenvolvimento do formato ao longo dos anos, muitas vezes o resultado é precário. Por outro lado, essa competição de "quem vai ficar com o público", promove a tão necessária prática de desenvolvimento do formato e proporciona uma alternativa para quem já está saturado de tanto melodrama novelístico.

Dentre as produções que ainda estão sendo desenvolvidas, temos "Justiça para Todos", criada por Antônio Calmon e com direção de Wolf Maya. Não deixem que o título os confundam com o filme estrelado por Al Pacino em 1979. Na história da série da Globo temos um estudante de direito que é morto em uma briga. Alguns anos depois, seus amigos, já estabelecidos, que agora são convenientemente um juiz, uma promotora, uma advogada, uma delegada federal e uma jornalista, se unem para descobrir os culpados e levá-los à justiça. A previsão de estreia é para o dia 15 de junho.

Outro projeto da Globo é "A Cura", criado por João Emanuel Carneiro com direção de Ricardo Waddington. Dizem que Selton Mello está cotado para estrelar a série. Ela gira em torno de um médico do interior de Minas Gerais que, ao causar a morte de um colega, é acusado de assassinato. Afastado da profissão, ele descobre ter o poder de realizar curas mediúnicas, através de cirurgias espirituais. Para piorar a situação, ele descobre que o médico que ele incorpora foi assassinado e, agora, sua vida corre perigo.
Já a Record, que tem parceria com a Igreja Universal, planeja produzir duas novas minisséries bíblicas. A primeira foi "A História de Ester", que deu ao canal uma ótima audiência. Agora, a Record definiu quais serão os próximos heróis da bíblia a estrelar uma superprodução: "Sansão e Dalila" e "A História de Davi". A primeira é escrita por Gustavo Reis, e a segunda por Vivian de Oliveira. Ambas serão dirigidas por João Camargo.

Um comentário:

Rafa Bauer disse...

Eu gostei da premissa de A cura. E é a que mais levo fé, tendo em vista que os roteiristas são radicados em cinema (apesar de João Emanuel Carneiro ter virado novelista).

Copyright@ 2006-2010 - Revista TV Séries. Textos com seus direitos reservados.