segunda-feira, 22 de março de 2010

Sissy Spacek Tenta a Sorte


Quem assistiu ao filme "Carrie, a Estranha"? Dirigida por Brian De Palma, a produção foi responsável em lançar a atriz Sissy Spacek ao estrelato em 1976. Até então, ela tinha feito 5 ou 6 filmes sem muito retorno. Nesse meio tempo, teve participações nas séries "O Jogo Perigoso do Amor/ Love American Style", "Os Novatos/The Rookies", produção de Aaron Spelling que lançou Kate Jackson; e "Os Waltons", na qual ela interpretou no episódio piloto, a namoradinha meio perturbada de John Boy (Richard Thomas).

Após "Carrie", Sissy fez seu nome no cinema, voltando à TV em duas ocasiões: a série "Contos de Fadas", produzida por Shelley Duvall, filha de Robert, e a minissérie "Streets of Laredo". Em 2010, ela surpreendeu os fãs ao decidir fazer participações na série "Big Love", da HBO. A surpresa está no fato de que, normalmente, quando um ator já consagrado no cinema, faz participações em mais de um episódio de uma série de TV, significa que ele, ou ela, está avisando o mercado estar disponível para estrelar sua própria série.

Não demorou muito para sair o anúncio: Sissy Spacek está no elenco de um projeto de série para a CBS. Ainda sem título, o piloto está sendo chamado de John Wells Project, por ser uma produção de Wells, de "Plantão Médico/ER", para a Warner Brothers. Criada por Hannah Shakespeare, a história gira em torno de uma equipe médica móvel que percorre o país, ajudando pessoas pobres que estão passando por problemas de saúde, ou mesmo à beira da morte.

Sissy lidera o elenco da equipe de médicos voluntários, assumindo um personagem que foi originalmente concebido para ser um homem. A personagem é uma visionária dedicada e exigente, que luta contra um câncer, sendo obrigada a submeter-se a tratamentos de quimioterapia. Isso não a impede, contudo, de continuar colocando em prática seu sonho de levar ajuda médica aos necessitados.


Outro ator que também se uniu ao projeto está Skeet Ulrich (foto acima), de "Jericho", que interpretará um cardiologista. Seu personagem será o pai de uma menina de 6 anos, e o ex-marido de uma viciada em drogas, por quem ele ainda é apaixonado.

Entre os nomes já divulgados aqui estão, Amy Smart, que será uma enfermeira que bate de frente com as decisões dos médicos de sua equipe, mas que mantém uma relação com um deles; Janeane Garofalo, vista em "24 Horas", que será Angel, chefe das enfermeiras. Rachelle Lefevre, do filme "Crepúsculo", que interpretará Kate, a filha da personagem de Sissy, uma jovem que prefere a estrada que as quatro paredes de um consultório; além de Jay Hernandez, de "Seis Graus de Separação", e Michael Beach, de "Stargete: Atlantis".

Por enquanto o projeto está restrito à produção do episódio piloto para avaliação.

Nenhum comentário:

Copyright@ 2006-2010 - Revista TV Séries. Textos com seus direitos reservados.