quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

La Femme Nikita de Volta à Ação

Peta Wilson como Nikita na série dos anos 90

Tudo indica que o canal CW está determinado a reformular sua programação. Como dito aqui, desde que surgiu da união do WB com UPN, o canal CW vinha se dedicando ao estreitamento de público oferecendo séries de ficção e dramas teens, tendo, inclusive, suspendido a produção de sitcoms.

Agora, após lançar "Life Unexpected" que resgata a narrativa anteriormente explorada pela WB e abandonada pelo CW, o canal decide encomendar a produção do piloto de uma série de ação. Será que o CW está pronto para fazer frente ao USA Networks que vem explorando há mais tempo este segmento?

O piloto encomendado pelo CW é uma nova versão de "La Femme Nikita", série produzida entre 1997 e 2001 no Canadá e exibida nos EUA pelo USA Networks e já exibida no Brasil.

Estrelada por Peta Wilson, a história foi adaptada por Joel Surnow e serviu de inspiração para o surgimento de séries como "Alias" e "24 Horas". Mas a própria série dos anos 90 não era original. Ela era uma versão para a TV de um filme francês dirigido por Luc Besson, o qual teve uma versão americana, "Point of No Return", estrelada por Bridget Fonda.

O remake de "La Femme Nikita" está a cargo de McG, responsável por "Human Target", bem como Peter Johnson. A produção é da Warner em parceria com a Wonderland Productions.

Na história original, Nikita é uma jovem presa por roubar uma farmácia e matar um policial; recrutada pelo governo, ela é transformada em uma assassina profissional. Na série dos anos 90, ela é uma sem-teto que se envolve em um crime e acaba sendo recrutada pelo governo. Agora, na nova versão (que está mais para continuação que para remake), uma nova assassina é treinada para ocupar o lugar de Nikita. Por enquanto a série está restrita à produção do episódio piloto.

Abertura da série dos anos 90

Um comentário:

Celeste Morrigan disse...

uh, se tiver a qualidade de La Femee Nikita nas primeiras temporadas, eu quero u.u'

Copyright@ 2006-2010 - Revista TV Séries. Textos com seus direitos reservados.