sábado, 16 de janeiro de 2010

Retrato Falado


La Costa, América Central. Um antigo agente do governo americano morre em um suposto ataque terrorista. Antes, consegue esconder sua esposa Merilee e o filho, e telefonar a Mark Reynolds, embaixador americano, para alertá-lo sobre uma conspiração local. Quando Reynolds é assassinado, Merilee não vê outra saída senão fazer contato com a esposa do embaixador, Denielle. Dani então descobre que seu pacato marido era na verdade um agente infiltrado, constatação que o chefe de Reynolds, Henry Towler, confirma.

Decidida a encontrar o assassino, Dani recruta o ex-boina verde Mac Harper e segue para La Costa com a fachada perfeita: sua própria profissão de fotógrafa de moda. A fotógrafa e seu modelo descobrem que Reynolds estava investigando o roubo de um sofisticado computador, com tecnologia suficiente para qualquer nação colocar mísseis nucleares no espaço. George LaMare é o mentor do golpe e sua assistente, Michelle Lloyd, tem o hábito de deixar uma trilha de corpos por toda a ilha.

Com a ajuda da inteligência americana, Dani e Mac conseguem impedir que o computador seja contrabandeado para fora da ilha e ainda ajudam Merilee e seu filho a retornar ao Estados Unidos. Mas tudo isso somente após muito tiroteio, perseguições, lutas e explosões. Impressionado com as habilidades da dupla, Towler decide contratá-los para futuras missões sob disfarce.

Mac e Towler

É assim que começa Retrato Falado/Cover up, uma charmosa série de espionagem criada em 1984 por Glen A. Larson, responsável por sucessos como Galactica/Battlestar Galactica, Magnum/Magnum P.I. e Duro na Queda/The Fall Guy. Com um piloto de duas horas, a série apresentou o elenco principal, formado por Jennifer O’Neill (Dani), Jon-Erik Hexum (Mac) e Richard Anderson (Henry).

O'Neill, na época com 36 anos, começou ainda menina como modelo, até tornar-se famosa com o filme Houve uma Vez um Verão/Summer of 42. Até chegar à série, a atriz carioca teve muitos altos e baixos, envolvendo alcoolismo, acidentes com armas e casamentos desastrosos. Mas com Jon-Erik Hexum, a química acontecia.


Hexum já havia sido contratado para a nova série de ação da CBS e insistiu na contratação de O'Neill. Seu papel parecia feito sob medida, pois apenas um ano antes ele havia participado do filme Modelos/Making of a Male Model, no qual Joan Collins ajuda um jovem muito bonito a tornar-se um sucesso através de sua aparência. Antes, ele ficara popular com a série de curta duração, Viajantes do Tempo/Voyagers. Para não ficar rotulado apenas como galã, Hexum dedicava muitas horas a seu trabalho, o que incluía a promoção do filme O Urso/The Bear.


Mas Hexum não era o único representante da beleza, pois o time de Dani contava ainda com suas lindas modelos interpretadas por Irena Ferris (Billie), Dana Sparks (Ashley), Ingrid Anderson (Gretchen) e Deborah Ludwig Davis (Singer). Finalmente, havia o assistente Rick, interpretado por Mykelti Williamson. A série repleta de ação, corpos exuberantes e trilha movimentada agradou ao público de imediato, prometendo ser mais um grande sucesso. Infelizmente, uma brincadeira mudou o rumo de seus protagonistas.


No dia 12 de outubro de 1984, Hexum estava no intervalo de filmagem quando decidiu passar o tempo brincando com uma arma de cena, carregada de festim. Alheio ao poder destrutivo de uma bala de festim disparada à curta distância, ele imprudentemente levou a arma a sua cabeça e disparou.

Com um grave ferimento, ele foi imediatamente levado para o Beverly Hills Medical Center, onde permaneceu em coma por uma semana, até ser declarado morto dia 18 de outubro. Ainda ligado ao sistema de suporte de vida, Hexum foi transportado para São Francisco, onde seu coração foi transplantado em Michael Washington, um paciente cardíaco de Las Vegas. (Alguns anos mais tarde, Washington seria preso diversas vezes, sendo condenado à prisão em 1996.) A família de Hexum também doou seus rins e as córneas. O ator faria 27 anos no mês seguinte.


Cobertura do incidente em diversos vídeos da época

O incidente deixou o estúdio com a difícil tarefa de substituir seu astro e voltar à normalidade. A produção então criou um novo parceiro para Dani. Jack Striker, ao contrário de Mac, era um agente de verdade e sentia-se constrangido e contrariado em passar-se por modelo.

Na vida real, Antony Hamilton, ator inglês a quem foi oferecido o papel, era de fato modelo e bailarino. Sua reação inicial, foi recusar, pois seu caminho e o de Hexum haviam se cruzado muitas vezes. Eles estudaram na mesma escola de artes cênicas, os dois fizeram teste para os filmes Sampson and Delilah e Making of a Male Model. Hamilton ficou com o primeiro, enquanto Hexum ficou com o segundo.

Eles também tinham o mesmo professor de arte. Na época, Hamilton estava fazendo o filme Mirrors para a NBC, quando Glen Larson o abordou e eventualmente o convenceu a juntar-se ao time.


Nas duas primeiras semanas, ele fazia a série e o filme simultaneamente. Por isso, levantava-se às 5 da manhã e trabalhava até as 2 da madrugada, sendo obrigado a dormir no seu camarim.

Em seu primeiro episódio, Writer’s Block, Towler diz a Dani que Mac está em missão e ela terá de trabalhar com o agente Jack Striker. Nenhum dos dois gosta da ideia, afinal, ela está acostumada com seu parceiro, e Striker não é modelo. Além do mais, ambos querem ficar no comando.

Assim mesmo, saem em busca de um manuscrito secreto, quando seu autor passa a sofrer de amnésia, e cumprem a missão. Ao final, Towler a informa que Jack será seu novo parceiro, pois Mac morreu em missão. Dani se desespera e Jack a consola, surgindo assim a nova dupla de agentes.

Entre as participações marcantes estão, por exemplo, as de Doug McClure, Peter Brown, Herbert Jefferson jr., Henry Darrow, Clu Gulager, Rue McClanahan, Stwart Whitman, Richard Hatch e Florence Henderson.

A mudança, porém, não garantiu o sucesso e a série foi cancelada com apenas 20 episódios, 7 dos quais tiveram a participação de Hexum. Dez anos mais tarde, Antony Hamilton faleceu vítima de complicações da AIDS, pouco antes de completar 43 anos.


Abertura com Jon-Erik Hexum


Abertura com Antony Hamilton


Vídeo promocional

6 comentários:

Alfonso disse...

Fernanda, na verdade o Anthony Hamilton morreu aos 42 anos. Ele também atuou no remake de Missão Impossível no final dos anos 80.

Marta Machado disse...

Correto, Afonso. Foi erro na minha matemática. :(
Obrigada!

Paul disse...

Em dois momentos (pelo menos) o texto troca o nome de Jennifer O´Neill por Jennifer Connely (atriz de Labirinto, Mente Brilhante, Hulk etc.).

renato disse...

esta serie retrato falado foi uma das melhoris quepasou eu ja banthi em tundo qe siti para compra os dvds + naõ em comtrei vc suber quen tem para vende mim fala eu compro ta ok xau

renato disse...

muito boa esta serie

Unknown disse...

Em determinado momento está escrito que a atriz Jennifer O'Neil é carioca (???).

Copyright@ 2006-2010 - Revista TV Séries. Textos com seus direitos reservados.