terça-feira, 6 de outubro de 2009

Novos Projetos e Pilotos - Parte 1

Continuam a ser divulgados pelos produtores e emissoras os novos projetos e pilotos que estão sendo desenvolvidos para a temporada de 2010-2011 ou mais, dependendo do estágio de cada produção.

Carol Leifer (foto), de "The Ellen Show", fechou um contrato com a CBS para desenvolver e produzir uma sitcom sobre o mundo gay feminino. Desde o fim de "Will & Grace" em 2006 que a TV aberta ficou sem uma sitcom que representasse o universo gay, aberto por "Ellen" em 1997. Embora personagens deste segmento sejam vistos como coadjuvantes em outras produções. A mais recente sendo "Modern Family" na qual apresenta um casal gay.

Na produção da CBS a sitcom é inspirada na vida de Leifer que mantém uma longa relação com sua parceira com quem tem uma filha. O título provisório é "You and Me and He" e gira em torno de uma recém divorciada que ao iniciar uma relação gay, descobre estar grávida do ex-marido. Algo parecido como que foi feito em "Friends", lembram? A diferença é que agora a trama irá focar a relação das duas mulheres, sob a perspectiva de uma homossexual, com base em fatos reais. No momento o projeto está restrito ao desenvolvimento de roteiro e personagens.


Leifer também está responsável pela nova série encomendada pelo canal Showtime, "Mouthpiece", que será estrelada por Marlee Matlin, de "The L Word", e Mario Cantone (ambos nas fotos). Situado em um importante escritório de advocacia, o projeto é uma idéia de Marlee e Mario Cantone que convidaram Carol para desenvolver. Marlee e Carol se conheceram quando a roteirista escreveu o episódio em que Marlee teve participação na série "Seinfeld" (aquele em que ela era namorada de Jerry e George pede para ela ler os lábios das pessoas).

Outra produção, desta vez para o canal Fox, é uma comédia familiar criada pelo ator Danny Comden, chamada "The Intruders". A história gira em torno de um homem dono de um country clube em Scottsdale que se apaixona por uma mulher solteira, de uma classe social abaixo da sua, que vive em Lake Havasu. Os dois decidem morar juntos e ela leva seus filhos com ela. A série tem como base a vida da sogra de Comden. O projeto tem apenas confirmado o desenvolvimento de roteiro e personagens.

Na NBC, Chad Hodge irá adaptar o livro "Midnighters" pela Warner Brothers TV e Alloy Entertainment. A trama gira em torno de um grupo de pessoas nascidas à meia-noite e que, por isso, tem acesso à 25ª hora de cada dia. O grupo utiliza esta hora para resolver crimes. Por enquanto, o projeto está restrito ao desenvolvimento de roteiro e personagens. Esta é a segunda tentativa de transformar o livro em série de TV. Há quatro anos a Warner encomendou um roteiro que não chegou a ser produzido.

Um novo drama relacionado ao furacão Katrina começa a ser desenvolvido por Sheldon Turner, co-roteirista de "Up nas Alturas", para o canal FX, em parceria com a Fox 21. Também situado em New Orleans, tal qual a série "Treme" da HBO (prevista para 2010), a trama deverá girar em torno de um jornalista investigativo que trabalha para o New Orleans Gazette.

Frustrado com a forma como o governo e as instituições lidam com a situação social pós-furacão, ele decide se tornar uma espécie de vigilante da justiça. Alguém se lembra de uma série chamada "Justiça Cega"? Sobre um juiz que forma uma equipe para caçar aqueles que escaparam da justiça? "Broken" segue nesta linha. A produção deverá ser de Sheldon Turner e Jennifer Klein.

A dupla ainda tem um projeto em desenvolvimento para a ABC. Criada por Alisson Adler, produtora executiva de "Chuck", a série, ainda sem título definido, traz uma advogada que vive cercada de casos relacionados a divórcios e problemas de família, o que a leva a tomar a decisão de nunca se casar. A produção também terá Adler, Josh Schwartz e Stephanie Savage. A equipe tem um contrato com a ABC para produzir um piloto.

Pela HBO teremos "Angry Boys", estrelada pelo australiano Chris Lilley (foto), de "Summer Heights High". A produção é uma parceria do canal com a Australian Broadcasting Co., ainda tendo a Princess Pictures na produção. Foram encomendados 12 episódios que serão filmados na Austrália. A trama gira em torno da idéia de como é ser um homem vivendo no Século XXI. Parece que vai ser uma série antológica (sem personagens fixos) na qual Lilley interpretará personagens diferentes a cada episódio. Algo que ele já tinha feito em "Summer Heights High", em que interpretou três personagens diferentes. A série já foi vendida para a BBC.

Entre os pilotos em produção estão "The Station", de Ben Stiller, comédia para a Fox, que volta e meia engaveta o projeto, que já tinha sido divulgado aqui. Ele foi novamente resgatado pelo canal. A história gira em torno de um agente da CIA, Eric (Justin Bartha) que está em missão em um país da América do Sul para ajudar um ditador a tomar o poder. Criada por Kevin Napier e com John Goodman e Whitney Cummins como convidados, o piloto já foi filmado.

Outro que também foi resgatado é "House Rules" (divulgado no mesmo link acima), que está em fase de seleção de elenco para a CBS. Os novos atores irão substituir os previamente divulgados: Zoe McLellan, Eion Bailey, Kristin Bauer, Tawny Cypress, Anna Chlumsky e Denzel Whitaker, que tiveram seus contratos expirados visto que o canal demorou para decidir o futuro do projeto. É possível que algum deles renove.


Para a ABC Family devemos esperar o retorno de Melissa Joan Hart, de "Sabrina, Aprendiz de Feiticeira", e Joey Lawrence, de "Blossom" (ambos nas fotos) . Criada por Bob Young e David Kendall, a série ainda não tem um título. Melissa irá interpretar Hailey, filha de políticos que segue sua linhagem quando se vê obrigada a cuidar de seus sobrinhos, um casal de adolescentes, depois que sua irmã é presa e seu cunhado foge. Ela então pede ajuda a Jack (Joey Lawrence), que, precisando de emprego, aceita fazer o papel de babá dos jovens. Cheira a "Who´s the Boss?" com "Privileged".

Para o mesmo canal o roteirista Michael Jacobs prepara uma outra comédia também sem título ainda. A história gira em torno de um casal em que cada um cuida de uma filha. O pai, que perdeu seu emprego em um escritório de arquitetura, se torna mentor da filha arruaceira, enquanto que a esposa, uma veterinária, mantém um forte relacionamento com a filha "perfeita". Os dois projetos da ABC Family ganharam sinal verde para a produção dos pilotos.

No USA teremos "Facing Kate", que teve o piloto encomendado pelo canal. Criado por Michael Sardo, de "Wings", a série é um drama leve que gira em torno de Kate, uma advogada especializada em divórcios, que abandona seu emprego para se tornar mediadora de casais em fase de divórcio.



Enquanto isso, na Inglaterra, Sir Ian McKellen (foto), que veremos como o número dois no remake de "O Prisioneiro", está no elenco de uma série ainda sem título, situada em uma escola de artes dramáticas em decadência em função da crise econômica. A solução para salvá-la é produzindo um documentário sobre as atividades da escola. Assim, a direção permite que uma equipe acompanhe os alunos e professores na expectativa de que o documentário lhes traga notoriedade, novos alunos e, principalmente, investimentos. Produzida pela DLT Entertainment, a história se passa na ficcional Clapham Academy of Creative Arts.

No elenco estão Jonathan Yde e Sylvester McCoy, um dos "Doctor Who", além de McKellen que irá interpretar Murray, diretor da escola e irmão da atriz Frances Barber (que interpreta ela mesma). Criada e dirigida por Peter Hinton, a série ainda não tem um canal para ser exibido, mas já está com seus primeiros episódios prontos.

Nenhum comentário:

Copyright@ 2006-2010 - Revista TV Séries. Textos com seus direitos reservados.