quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Kelsey Grammer Tenta de Novo com Hank

Na mesma noite que Patricia Heaton retorna às séries de TV, seu colega em "Back to You", Kelsey Grammer, marca também sua estréia. "Hank" é apontada pelos críticos como uma das piores séries a estrear nesta temporada. Alguns chegam a apostar que ela será a próxima a ser cancelada com poucos episódios exibidos. Mas apesar da unanimidade, ninguém sabe de fato o que deu errado na série.


Criada por Tucker Cawley, de "Everybody Loves Raymond", a série parece ter todos os ingredientes necessários para uma sitcom de sucesso, no entanto, segundo a crítica americana, não deslancha.

Na trama temos Hank Pryor (Grammer), diretor de uma empresa de material esportivos, que perde o emprego quando a crise econômica ataca. Obrigados a deixar seu belo apartamento na Park Avenue, Hank e sua família vão para o interior, mais precisamente para River Bend, Virgínia. Esta foi a cidade onde ele começou sua carreira e onde ele conheceu sua esposa, Tilly (Melinda McGraw, vista em "Mad Men").



O casal tem dois filhos, Maddie (Jordan Hinson, de "Eureka"), que não se conforma com a nova situação; e o mais novo Henry (Nathan Gamble), que adora a mudança. A família ainda conta com a presença do irmão de Tilly, Grady (David Koechner, visto em "The Office"), um empreiteiro que é chamado para restaurar a antiga casa de Hank. Algo que tudo indica não tem data para terminar (à lá Eldin em "Murphy Brown").

Hank não desanima e mostra que é possível recomeçar do zero; então ele abre uma lojinha determinado a começar de novo. Mas desta vez não pretende cometer os mesmos erros, entre eles, o de se afastar do contato com sua família. Assim, ele toma a decisão de se reaproximar dos filhos enquanto trata sua esposa com maior consideração. Mas lhe falta prática, e suas atitudes acabam reproduzindo a forma como ele se dirigia aos colegas de trabalho.


Alguns críticos dizem que a série não desenvolveu os personagens, se atendo demais na situação em que eles vivem, as quais são retratadas em situações clichés. Outros apontam Kelsey Grammer como o principal problema. Tendo ficado famoso como o psiquiatra Frasier na sitcom de mesmo nome, Grammer parece fadado a ser ator de um papel só.

Inicialmente batizada de "Awesome Hank", a série sofreu algumas mudanças ao longo do caminho que vão além do título. Entre elas, a troca dos atores que fazem as crianças. Elas eram anteriormente interpretadas por Macey Cruthird e Ryan Wynott.

Confira o cartaz aqui.


Nenhum comentário:

Copyright@ 2006-2010 - Revista TV Séries. Textos com seus direitos reservados.