terça-feira, 6 de abril de 2010

Nicollette Sheridan Processa Produtores de Desperate Housewives


Quem acompanha "Desperate Housewives" deve se lembrar que Nicollette Sheridan, a intérprete de Edie deixou o elenco da série ao final da quinta temporada em 2009. Agora, em abril de 2010, a atriz entrou com um processo contra a ABC Entertainment Group, ABC Studios, Touchstone Television e contra o criador da série, Marc Cherry, pela qual ela pede uma indenização de 20 milhões de dólares.

Segundo a atriz nos papéis do processo, no dia 24 de setembro de 2008, durante o ensaio de um episódio da quinta temporada de "Desperate Housewives", a atriz teria questionado o autor, Marc Cherry, sobre uma questão apresentada no roteiro. Cherry, então, teria levado-a para um canto para conversar, mas ao invés disso, batido-lhe em sua cabeça com a palma da mão. A atriz teria reclamado com a produção da série que, segundo ela, ignorou o fato. Ao final da temporada, seu personagem, Edie, foi retirada da trama.

Sheridan ainda revela em seu processo que o comportamento violento de Marc Cherry é conhecido por todos que trabalham na série. Teri Hatcher, a Susan, já teria feito queixa de seu comportamento junto aos produtores e representantes do canal.

O processo movido por Sheridan contra a produção de "Desperate Housewives" alega agressão violenta, discriminação com base em sexo, orientação sexual e idade, demissão por retaliação, intenção de causar estresses, entre outras. A atriz recebia uma média de 175 mil dólares por episódio da quinta temporada, com previsão de ser paga 200 mil por cada episódio da sexta; e 250 mil por cada episódio da sétima temporada em 2011.

Segundo representantes da rede ABC, a emissora não tem conhecimento das bases do processo movido pela atriz. A ABC admite que a atriz fez queixas contra o comportamento de Marc Cherry no ano passado, mas considerou suas acusações sem base de méritos.

Nenhum comentário:

Copyright@ 2006-2010 - Revista TV Séries. Textos com seus direitos reservados.