quarta-feira, 20 de maio de 2009

CBS Oficializa Estréias, Renovações e Cancelamentos

Cena do piloto de "NCIS: Los Angeles"

A rede CBS divulgou hoje sua grade oficial para a próxima temporada americana de 2009 e 2010. Entre as mudanças de dias e horários se destaca a dupla "The Mentalist" e "C.S.I.". A primeira será exibida logo após a segunda. Enquanto isso, a spinoff de "NCIS" será exibida logo após a série que lhe deu origem, sob o título de "NCIS: Los Angeles".

O canal também confirma a presença de "Medium" em sua grade de sextas, logo após a exibição de "Ghost Whisperer".

As novas séries do canal são "Accidentally on Purpose", nas segundas, "NCIS: Los Angeles", "The Good Wife", nas terças, e "Three Rivers", nos domingos. Na midseason estréiam "Miami Trauma" e "The Bridge", série canadense.

As séries renovadas são "How I Met Your Mother", "Two and a Half Men", "The Big Bang Theory", "CSI: Miami", "NCIS", "The New Adventures of Old Christine", "Gary Unmarried", "Criminal Minds", "CSI: NY", "CSI", "The Mentalist", "Ghost Whisperer", "Medium", que veio da NBC, "Numb3rs" e "Cold Case".

A série "Rules of Engagement" retorna na midseason. Já a série "Flashpoint" com co-produção canadense deverá retornar à grade da CBS neste ano ou na midseason. Ainda não foi definido. O que está certo é que ela não foi cancelada pelo canal. De qualquer forma, corria boatos na imprensa canadense que a produção de "Flashpoint" continuaria em seu país mesmo se a CBS cancelasse sua exibição nos EUA.

As séries canceladas são "The Unit", "Elventh Hour", "Worst Week", "The Ex-List" e "Without a Trace".

O Caso "Medium"

A situação entre CBS e NBC complicou-se. Com o resgate da série "Medium", a CBS foi a público para cobrar uma satisfação da NBC por seu cancelamento, tendo em vista que sua audiência justificava uma renovação. Na verdade, a NBC chegou a renovar "Medium", conforme divulgado no dia 4 de maio pelo canal. No entanto, a série foi renovada para 13 episódios apenas. Mas, os produtores pediram pelo menos 16 episódios.

Para complicar a situação, o contrato de Patricia Arquette, protagonista da série, estipulava a produção de 22 episódios. Uma longa negociação teve início sem que se chegasse a um acordo. Com isso, a NBC cancelou a série, mas ao invés de divulgar que os motivos foi a falta de um concensso, preferiu anunciar que a causa do cancelamento foi uma baixa audiência. Algo que a CBS discorda publicamente.

Representantes da CBS divulgaram nota oficial dizendo-se surpresos com a decisão da NBC em cancelar "Medium", uma das poucas séries exibidas pelo canal que conseguia manter uma boa audiência. Considerando a decisão inexplicável, os produtores da série ressaltaram que "Medium" conseguia manter melhor audiência que algumas das produções renovadas pela NBC.

A mídia americana aponta os custos de produção do programa de Jay Leno como um dos responsáveis pela NBC querer cortar o número de episódios da série "Medium", que resultou na discórdia e no cancelamento.

6 comentários:

Rafa Bauer disse...

Muito legal seu texto sobre a negociação de Medium. Isso mostra que aqui é um site diferenciado sobre séries, como eu sempre digo (o melhor!). Eu acompanho vários sites diariamente, nacionais e internacionais, e aqui foi o único onde achei uma explicação tão detalhada.

Ainda quanto ao caso Medium:

- Odiei o Ben Silverman, executivo da NBC, dizer que não renovou Medium e My name is Earl porque, ao contrário de Chuck, não houve qualquer movimentação de fãs para a renovação da série, ele não viu "paixão". Muito desrespeitoso com os fãs.

- Adorei a fala do criador de Earl a respeito do que disse Ben: “It’s hard to be too upset about being thrown off the Titanic.” (Quem fala o que quer, ouve o que não quer... hehe)


- Os direitos sobre Medium ainda estão com a NBC até a próxima sexta-feira, por isso não esperava que já fosse anunciada hj pela CBS...

- Agora eu espero que a audiência da Medium cresça ainda mais, recebendo uma audiência alta, qualificadíssima, e tendo como concorrentes os fracos Southland e Dollhouse...

Fernanda Furquim disse...

...ai, agora fiquei vermelha!! hehehehehe! Obrigada pelo comentário, não há melhor pagamento pelo trabalho!

Também estou feliz por Medium ter sido resgatada!

Thiago Silva disse...

concordo com o Rafa Bauer quanto a "cobertura" do caso "Medium". enquanto boa parte dos sites/blogs sobre seriados (nada contra eles, muito pelo contrário, assim como o Rafa Bauer eu também acompanho os nacionais) limitam-se a cobrir a exibição dos episódios e a relação dos atores com os produtores, o Revista TV Séries vai além: cobre também a parte que envolve apenas os produtores e estúdios que produzem os shows. meus parabéns! :D

quanto a nova programação da CBS, fico triste por "Without A Trace". assisti a primeira temporada pelo SBT quando ainda era apresentada nas manhãs de Domingo (isso lá em 2002/2003) e gostei bastante. infelizmente ainda não tive oportunidade de assistir as outras temporadas, mas pretendo assisti-las algum dia.
quanto a "Medium" vi alguns poucos episódios da primeira temporada também pelo SBT e não vi nada de mais na série, mas como ela tem bastante e fervorosos fãs (inclusive a Fernanda!) acredito que o investimento da CBS valerá a pena.

Fernanda Furquim disse...

Obrigada Thiago!
Gosto de acompanhar Medium, mas não me qualificaria como fã fervorsa!

David® disse...

Fernanda, obrigado pela resposta ao comentário anterior sobre Withou a trace e obrigado também por manter o site com uma qualidade admirável.
Faço coro as palavras do Rafa Bauer, acho mto interessante ter uma fonte de informações diferenciada como o Revista TV Séries.
Parabéns a vc e a Marta.

Fernanda Furquim disse...

É um prazer David! Obrigada pelo comentário e pelas visitas! Agora sim virei pimentão...

Copyright@ 2006-2010 - Revista TV Séries. Textos com seus direitos reservados.