TCM Traz Alfred Hitchcock Apresenta


Produzida entre 1955 e 1965 "Alfred Hitchcock Apresenta" trouxe para a TV uma linguagem diferenciada da grande maioria das séries que vinham sendo exibidas até então. Nesta série antológica, sem personagens e situações fixas, temos os protagonistas cometendo crimes ou envolvendo-se em situações que levam à uma atitude criminosa.

Em uma época em que o herói precisava ser honesto e representar a justiça, Alfred Hitichcock antecipou em quase 50 anos a abordagem que viria a ser explorada pelas séries de TV americanas.

Em junho o canal TCM traz para sua grade esta série que teve um total de 359 episódios. As sete primeiras temporadas tiveram episódios de meia-hora de duração. Da oitava à décima temporada, passou a uma hora de duração sob o título de "Alfred Hitchcock Hour", no Brasil, passou a ser chamada de "Suspense".

Hitchcock em pessoa faz a introdução e o fechamento de cada episódio. Seu texto, invariavelmente, ridiculariza os intervalos comerciais. Não se tratava, no entanto, de improvisação. O texto era especialmente escrito para ele, submentido à aprovação da emissora e dos patrocinadores e então gravados. Hitchcock gravava sua participação uma vez por mês. No primeiro ano, vê-se claramente que ele ainda está inseguro diante da câmera, bem como os roteiristas em relação aos textos. Porém, a partir do segundo ano de produção decidiram explorar o inusitado. Os roteiristas colocam Hitchcock nas mais diferentes situações que por si só, já valem pela produção.

A série serviu de inspiração para a produção de "Psicose" a qual pode ser considerada uma versão cinematográfica de "Alfred Hitchcock Apresenta". Os episódios têm como base histórias já publicadas. Hitchcock não queria trabalhar com textos escritos especialmente para a TV. Assim, uma equipe vasculhava o mundo literário, em especial contos e crônicas, em busca de histórias para serem adaptadas. Foi assim que encontraram uma história que, ao ser apresentada à Hitchcock, este se apaixonou pela cena do chuveiro, no qual a protagonista é assassinada. Ciente de que esta cena seria censurada na TV, ele decidiu produzir a história no cinema. Utilizou para tanto, a mesma equipe técnica da série de TV, cenários e até movimentos de câmera que ele havia explorado em episódios que dirigiu.

Curiosidade: foi para "Alfred Hitchcock Apresenta" que o episódio "O Dia da Divisão/Shatterday" foi originalmente produzido e não para "Além da Imaginação", que produziu um remake com Bruce Willis nos anos 80. No episódio original, "The Case of Mr. Pelham", o personagem de Willis foi interpretado por Tom Ewell.

A série estréia no TCM no dia 7 de junho, sempre aos sábados e domingos às 15h com a exibição de dois episódios por dia e reprise às 4h. A exibição será em inglês com legendas em português. "Alfred Hitchcock Apresenta" entra no lugar de "Swat" que sai da programação do canal.

Abaixo, cena do episódio "One Mile to Go" que mais tarde Hitchcock refilmou com Janet Leigh para o filme "Psicose".

Comentários

Rubens disse…
Poderia esclarecer melhor o titulo do episodio "O Dia da Divisão"? Titulos em português são péssimos para pesquisar na internet e, aparentemente, o titulo original nao é "The Division Day"... :-(

E' possível informar qual o titulo ORIGINAL, se possivel? Encontrei "Shatterday" para episódio de Twilight Zone com Bruce Willis, só que nao existe episodio com esse mesmo nome para Alfred Hithcock Presents...

Por sinal, uma pequena sugestão (é mais um pedido): sempre que possível, oferecer os títulos ORIGINAIS de seriados e episodios, porque em tempos de internet isso facilita demais quem quer pesquisar mais. Alem disso, os titulos originais costumam ser bem pensados pelos roteiristas (ou esconder curiosidades), enquanto os titulos em portugues normalmente nao querem dizer nada, ja que sao adaptacoes feitas apressadamentes e de qualquer jeito por uma unica pessoa. Fica a sugestão (e o pedido).
Rubens disse…
Acho que localizei o episodio de Alfred Hitchcock Presents: "The Case of Mr. Pelham", episodio 1x10 de 1955. :-)
Fernanda Furquim disse…
oi Rubens, obrigada pela sugestão!
Anônimo disse…
É esse mesmo o episódio, aliás, um episódio estupendo!

Como a série não foi lançada no Brasil, uma sugestão, para quem precisa de legendas:
É só baixar a série por torrent, q existe legendas em português para a primeira temporada inteirinha, no site opensubtitles e num outro site cujo nome não me recordo exatamente agora (algo como sessão da tarde)...

E achei um blog que tem uns links para o q promete ser a segunda temporada, já em formato de DVD (VOB, etc), que promete ter legendas em português, mas não posso confirmar porque ainda não terminei de baixar...
Anônimo disse…
O TCM mais uma vez coloca na programação uma série legendada, a exemplo de SWAT, Buck Rogers, Galactica e por aí vai. Aos poucos vai perdendo seu principal mérito, que é, na minha opinião, trazer a dublagem original de volta. Se essas séries não tem dublagem original em português, seria melhor não exibi-las. Uma pena, infelizmente.

Postagens mais visitadas deste blog

Monk dá Adeus ao Público (com adendo)

Sharona Reencontra Monk

The Heavy Water War, Minissérie Norueguesa Retrata Missão Histórica na 2ª Guerra Mundial