domingo, 20 de dezembro de 2009

Globo Exibe Piloto do Programa Piloto

Alexandre Borges, Fernanda Torres e Andrea Beltrão 

Ontem foi divulgada a notícia de que a Globo estava desistindo de produzir uma segunda temporada de "Som & Fúria", versão brasileira da série canadense "Slings & Arrows" que fala sobre os bastidores do teatro. Hoje a emissora começa a divulgar a exibição do "Programa Piloto", título de uma nova proposta da casa que pretende apresentar os bastidores de produção de uma novela. Coincidência?

Duas produções com o mesmo tema, sendo a primeira uma versão e a segunda, produção original (não tem que pagar pelos direitos autorais); sendo a primeira sobre teatro, que no Brasil não tem público, e a segunda sobre novela que ainda conquista as massas. No meu entender a Globo trocou uma pela outra.

Se a audiência do "Programa Piloto" for boa, deverá ser transformada em produção semanal (não vou me arriscar a chamar de série, seriado ou minissérie porque a emissora também não sabe qual termo usar). Na versão semanal que poderá estrear em 2010, será mostrado os bastidores de uma novela situada nos anos 60.

Fernanda de Freitas

Criada por Cláudio Paiva com colaboração de Nilton Braga, o "Programa Piloto" será exibido pela Globo no dia 1º de janeiro às 23h. Produzida pelo núcleo de Guel Arraes, a direção é de Maurício Farias. Originalmente batizado de "Odeio Você", o especial tinha sido programado para ser exibido no dia 23 de dezembro, mas a Globo mudou a programação esta semana, adiando o "Programa Piloto" para janeiro.

Na história atores filmam uma novela na qual Carmen (Andrea Beltrão) chega ao Paquistão para buscar seu marido Edgar (Alexandre Borges) que sofreu um acidente de carro e está internado em um hospital de Islamabad, sob os cuidados de Naja (Fernanda Torres), uma criada muçulmana. Mas, ao tentar trazê-lo ao Brasil, Carmen descobre que o marido se envolveu em questões que complicam seu retorno.
 
Esta é a trama da novela estrelada pelas veteranas Beatriz (Andrea Beltrão) e Renata (Fernanda Torres) e pela dissimulada Fabiana (Fernanda de Freitas), uma aspirante ao estrelato. Também no elenco está o galã em crise de meia-idade, Alvarenga (Alexandre Borges). A direção da novela é de Magalhães (Otávio Müller), com produção de Taís (Georgina Góes) 

Fernanda Torres e Andrea Beltrão

É improvável que o programa mostre a politicagem que existe dentro da administração de uma emissora em relação à produção de uma novela, bem como a forma muitas vezes injusta com a qual trata os artistas. Ele foi produzido para fazer rir e engrandecer o canal, portanto a história deverá apresentar apenas as "brigas de galo" entre atores para conseguir se sobressair junto à emissora e ao público.Quem assistiu à série americana "Grosse Pointe", poderá ter uma base da linha narrativa à qual  "Programa Piloto" deverá explorar.

Um comentário:

Moisés disse...

Poderiam aproveitar para ridicularizar as próprias novelas no estilo, como Caminho das Índias, mas certamente não acontecerá.

Copyright@ 2006-2010 - Revista TV Séries. Textos com seus direitos reservados.